Mais uma brigada comunitária é formada para garantir linha de frente contra o fogo

    0
    36
    Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

    Com apoio da Ecoa e demais organizações, equipe com 7 brigadistas comunitários vai ajudar a proteger o território da aldeia Brejão em Nioaque, MS

    Publicado em 23 de novembro de 2020 às 11:22Compartilhar:

    Após dois dias de formação na Aldeia Brejão, em Niaque, MS, a comunidade indígena do Pantanal tem uma nova brigada comunitária de enfrentamento aos incêndios. Com apoio da Ecoa e demais organizações, como a WWF, as brigadas se fortalecem para proteger o território.

    Brigadistas da aldeia Brejão em Nioaque, MS, durante formação (Foto: Arquivo/Ecoa)

    Concluída na última sexta-feira (20), a brigada é composta de 7 voluntários, indígenas da etnia Terena, jovens que idades entre 20 e 25 anos. A formação por meio de oficinas e conteúdo teórico ocorreu com apoio da brigada comunitária da Terra Indígena Limão Verde.

    Essa brigada se torna a segunda a ser formada na aldeia Brejão. Com os novos integrantes, o combate local ao fogo –  essencial para o auxílio das equipes profissionais do prevfogo/Ibama – conta agora com 14 pessoas.

    Segundo os moradores da aldeia, uma brigada composta unicamente de mulheres deve ser formada até o final do ano, já que esse foi um dos pedidos da comunidade ao longo da formação.

    Compartilhar:
    Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.