Inventário Cultural de Poconé servirá de modelo para outros municípios de Mato Grosso

0
191

O Inventário dos Bens Culturais de Poconé será usado como referência para produção dos inventários de outros municípios do estado; informou Alberto Machado, Secretário de Estado de Cultura, Esporte e Lazer de Mato Grosso (SECEL).

Na manhã de quarta-feira (19/05) uma comitiva de Poconé protocolou oficialmente o Inventário Cultural do município junto a SECEL.

Alberto Machado, ao lado de Jan Moura, Secretário Adjunto de Cultura e Robinson de Carvalho Araujo, Superintendente de Preservação do Patrimônio Histórico e Musicológico, receberam a Secretária de Cultura de Poconé, Mariana Petronília, a Técnica Joyce Costa, acompanhadas de Walney Rosa, representando a Academia Lítero-Cultural Pantaneira (ACADEPAN).

“Recentemente o em oficio circular, de 12 abril, encaminhado aos municípios do Mato Grosso; a Secretaria de Estado, Cultura, Esporte e Lazer, solicitou a apresentação do Inventário Cultural de cada município, exigindo Bens Materiais, Imateriais, Naturais e suas especificidades. No entanto muitos municípios não conseguiram reunir e concluir as informações por falta de conhecimento ou de um modelo para ser seguido”, declarou Robinson de Carvalho Araujo, Superintendente de Preservação do Patrimônio Histórico e Musicológico.

Para Jan Moura; Secretário Adjunto de Cultura, “o inventário apresentado por Poconé trouxe identidade de todos os bens, com a participação da comunidade e o parecer dos produtores culturais”, defendeu.

Mariana esclareceu sobre a grande participação popular para produção do inventário; “Em 2019, sob gestão do secretário de cultura Walney, iniciou o levantamento, já no ano passado sob a gestão de Manoel Salvador, deu-se a continuidade de produção do inventário. Este ano com a orientação da Superintendência de Patrimônio Histórico e Cultural, pudemos atualizar e finalizar o inventário. Ficamos satisfeitos e realizados”, declarou Mariana.

Durante a reunião o secretário de estado Alberto Machado manifestou o interesse em utilizar a produção poconeana como modelo para os demais municípios. Mariana por sua vez autorizou a documentação para servir de direcionamento daqueles que precisarem.

A proposta sequencial é a criação de um site contendo todas as informações do Inventário de Poconé.

Walney Rosa, por sua vez esclareceu que; “Nada se faz sozinho, o compartilhamento de ideias, de esclarecimentos abrem portas e iluminam caminhos. Espero que todos possam utilizar de alguma forma o trabalho exposto. Graças à sensibilidade do Prefeito Tatá Amaral, que durante a Semana do Homem Pantaneiro em 2019, deliberou sobre a união da classe para construirmos juntos esse Inventário”, finalizou.

COMISSÃO:
Para edição do inventário foi constituída uma Comissão formada por: Conselho Municipal de Políticas Culturais de Poconé; Academia Litero-Cultural Pantaneira (Acadepan); Rotary Clube de Poconé (2019/2020).
Levantamento (pesquisa): Adalberto Antonio Pagiolli; Classificação e arrolamento: Marcela Cristina Barros de Pádua; Textos: Walney de Souza Rosa; Supervisão Editorial: Josenira Cássia de Souza Rosa Fernandes; Diretoria-Executiva: Laura Cristina da Silva; Revisão de textos: Marilda Domingas Pinto.