Governo de MT lança prêmio para municípios que mais vacinarem

0
46

Investimento previsto é de R$ 65 milhões em quatro anos de programa; R$ 10,4 milhões serão em prêmios

CÍNTIA BORGES E LISLAINE DOS ANJOS
DA REDAÇÃO

O governador Mauro Mendes (DEM) lançou, na tarde desta quarta-feira (21), o programa Imuniza Mais MT, que premia os municípios que tiverem melhor desempenho em seus programas de vacinação.

 

O programa ainda deve oferecer recursos para facilitar e promover a vacinação nos municípios. Entre eles estão aquisição de materiais de consumo como seringas e agulhas, compra de equipamentos como câmaras frias, campanhas publicitárias e o incentivo financeiro por meio dos prêmios.

 

O Governo de Mato Grosso prevê um investimento total de R$ 65 milhões em quatro anos de programa. Deste, R$ 10,4 milhões serão dedicados à premiação aos municipios com melhor desempenho.

 

De acordo com o governador, o objetivo é melhorar a cobertura vacinal contra a influenza e a Covid-19, a princípio.

“Aqueles que melhorarem a performance, nós iremos avaliar, divulgar e dar ampla publicidade nessa avaliação. Nós vamos ranquear e mostraremos não só quem foi o primeiro, o segundo e o terceiro, mas iremos classificar os 141 municípios”, afirmou.

“Os primeiros três lugares ganharão prêmio, parabéns. […] Mas também iremos divulgar os últimos. Até me sugeriram dar para os 10 últimos o troféu ‘seringa furada’”, brincou.

O governador também alertou que é necessária a correta inserção de dados no sistema do Ministério da Saúde por meio do Plano Nacional de Imunização.

Imuniza Mais MT

A primeira avaliação será feita em outubro, relativa à aplicação das vacinas contra Influenza e Covid-19 feita em setembro. Para isso, o Estado foi divido em seis grandes áreas e os prêmios variam de R$ 40 mil a 300 mil, a depender da população das cidades.

O secretário de Saúde Gilberto Figueiredo explicou que caberá aos gestores implementar meios mais eficazes e velozes para aplicação das doses de vacina. Ele também explicou que o valor do prêmio será direcionado para a área da Saúde.

“O valor terá que ser aplicado na Saúde e nós daremos publicidade ao investimento”, disse o secretário.

A segunda etapa do programa será feita em janeiro de 2022, quando haverá a avaliação da cobertura vacinal de todo o ano de 2021.

As categorias são dividas em selos bronze, prata, ouro e diamante. O município com maior cobertura vai receber um prêmio total de R$ 1 milhão.

Fonte: https://www.midianews.com.br/politica