Gilberto afirma que será candidato a deputado e do grupo de Mendes

0
110

O secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, afirmou que tem pretensão de se tornar candidato a deputado federal, nas eleições de 2022. Ele também trouxe detalhes de como acontecerá o processo e que poderá fazer parte do Democratas, aliado ao governador Mauro Mendes.

A declaração ocorreu nesta quinta-feira (18), durante a entrega da bonificação de R$ 2 milhões aos 15 municípios que mais vacinaram contra a covid-19. Questionado, Gilberto afirmou que o governador já sabe de sua intenção para se tornar candidato.

“A legislação vigente diz que para o secretário que pretende ser candidato, precisa se desvincular do cargo 6 meses antes. 6 meses antes, seria 3 de abril. Se o governador entender que é melhor salutar secretários se descompatibilizar do cargo, assim será”, disse.

Entretanto, o então secretário não sabe apontar quando pedirá exoneração da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT). Porém, adianta que quanto mais cedo, melhor. Ele também comentou sobre a “vantagem” que teria na disputa por ser secretário estadual.

“Isso é o que a legislação determina. É um pedido para o governador de alguns deputados que acham que o secretário no caso possa ter uma certa vantagem. Mas se pode ter alguma vantagem, não consegui mensurar. Se eu tiver livre mais cedo, tenho mais tempo para me preocupar com a candidatura”, pondera.

Outro detalhe que Gilberto afirmou é que participará do grupo político de Mendes na eleição.

“Muito provavelmente estarei no partido do governador. Faço parte do grupo do governador, estou estimulado pelo governo do estado a uma candidatura, com meus colegas de trabalho. Mas essa avaliação tem que ser feita ate 6 meses antes da eleição. Se vou ou não migrar de um partido pro outro, até porque não está claro, ,muitos partidos podem ser fundidos como o meu com o PSL”, explica.

Fonte: https://www.gazetadigital.com.br/editorias/politica-de-mt