Prefeita decreta exigência de passaporte da vacina para quem deseja pescar na região em MT.

    0
    98
    NO ARAGUAIA

    Da Redação OD – Max Aguiar Foto: Reprodução

    A prefeita Joraildes Soares de Souza (PSD), do município de Santa Cruz do Xingu (1.200 km de Cuiabá), decretou nesta sexta-feira (14) mais algumas proibições na cidade para evitar a disseminação do Covid-19 e da Síndrome Gripal Grave na cidade.

    A partir de agora, pescadores amadores e profissionais que frequentam pousadas e pesqueiros da região precisarão apresentar a carteira com o quadro vacinal completo. Sem o documento, que é uma espécie de passaporte da vacina, o turista não poderá pescar e nem permanecer nos locais.

    O ato da prefeita se dá devido a alta de casos registrados nos últimos dias. Vale ressaltar que quem esquecer o cartão de vacina poderá também optar por apresentar o resultado negativo em testes contra o vírus com emissão em até 72 horas.

    A responsabilidade de conferir a documentação é do proprietário do pesqueiro, sob pena de multa de R$ 10 mil e interdição do estabelecimento por cinco dias. A prefeita pretende conversar com prefeitos de outras cidades vizinhas e possuem o turismo de pesca em alta para orientá-los a fazerem o mesmo.