Copa do Mundo: designer de moda dá dicas de looks com a tendência BrazilCore

0
38

A Copa do Mundo 2022 chegou e, com ela, o mercado da moda também se movimenta. O principal evento esportivo global proporciona o sentimento de esperança, união e celebração entre os países, que se unem pelo mesmo propósito de um campeonato que é referência mundial. As ações relacionadas ao vestuário não valem apenas para as grandes marcas esportivas que serão representadas no evento, mas abrange a todos os setores da moda de forma geral.

A coordenadora do curso de Design e Moda do Centro Universitário Estácio do Ceará, Juliana Pessoa, explica que durante o evento, também é um período de incentivo às culturas de cada país, por meio do uso das blusas de suas seleções. “A nova camisa azul da seleção brasileira, por exemplo, traz um design inovador com as pintas da onça em cores vibrantes nos ombros e que já caiu no gosto dos brasileiros, sendo um sucesso de vendas”, disse.

A designer de moda também pontua que na Copa do Mundo vale investir em tudo, como camisas bem humoradas com memes, muito brilho nos looks, fazendo o uso de cores fortes e vibrantes inspiradas na identidade visual do evento.

Tendência BrazilCore

Juliana explica que neste ano ficou em evidência a tendência BrazilCore. “É a estética de moda que viralizou nas redes sociais, com uma série de produções nas cores verde e amarelo e tem como significado a essência brasileira, por meio do uso dos símbolos nacionais, através do vestuário e de acessórios, como: chinelos e elementos e cores da bandeira nas blusas, na maquiagem e até no esmalte das unhas”, pontuou.

Para auxiliar os amantes da moda e da Copa, Juliana elencou algumas formas de produções com a tendência BrazilCore. “Vale criar produções compostas por peças simples que se tenha em casa, como a camiseta de futebol da seleção brasileira atual ou vintage, bonés e as tradicionais sandálias Havaianas. Roupas leves e confortáveis, como camisetas e bermudas valem para todos, visto que a Copa do Mundo vai ocorrer em pleno verão brasileiro”, finalizou.

Patrícia Belarmino