Empresária e filho são sequestrados e roubados em Chapada e abandonados em Cuiabá; dois são presos

0
62

Empresária, dona de um supermercado de Chapada dos Guimarães (65 km ao Norte de Cuiabá), foi sequestrada na madrugada de quinta-feira (19), por 4 bandidos armados, dentro da sua casa. O filho dela, de 14 anos, também foi levado na ação e ameaçado de morte durante o crime. Bandidos fugiram com uma quantia de R$ 22 mil. Mãe e filho foram abandonados em uma rua sem saída no Santa Rosa, Cuiabá. Horas após o crime, dois bandidos foram presos.

 

De acordo com as informações apurada pela reportagem, vítima escutou o cão latindo por volta das 4h. Ela tentou acionar a Polícia Militar, momento em que a porta da casa foi arrombada e um dos suspeitos tomou o celular da mão dela.

 

Ao menos 4 homens armados entraram na casa e a renderam. Dois portavam armas de fogo e outros dois estavam com facas. Lá, sob forte ameaça, ainda fizeram o filho dela de refém enquanto pediam dinheiro. O menino era ameaçado de morte o tempo todo.

 

Eles falavam ainda que, caso não conseguissem transferir os valores por Pix, matariam o menor. Na casa, os bandidos conseguiram pegar R$ 7 mil em envelopes de banco, além de três transferências via aplicativo de celular, que totalizo R$ 15 mil.

 

Mas, os criminosos não estavam satisfeitos. Eles queriam ao menos R$ 25 mil reais naquela data e reafirmaram que matariam o filho da vítima. Mãe e filho foram colocados em um carro e levados para Cuiabá, onde depois de algum tempo, foram abandonados em uma rua perto do trevo do Santa Rosa.

 

Prisão de dois assaltantes

Depois que as vítimas foram abandonas, a polícia foi acionada e começou investigar o crime. Durante as diligências, um dos bandidos foi identificado como morador do bairro São Sebastião e o outro da Cohab, ambos de Chapada.

 

Por volta das 11 da manhã de quinta, a equipe saiu em ronda e encontrou um dos suspeitos na porta de casa. Ao perceber a presença da polícia, apresentou sinais de inquietação e nervosismo, sendo realizada a abordagem.

 

Em uma busca, a polícia encontrou uma quantia de R$ 1.400 com ele. Após uma entrevista, ele acabou confessando a participação no crime. No quarto do suspeito, foi encontrado mais uma quantia de dinheiro.

 

Na casa do outro suspeito, a polícia encontrou mais dinheiro, além dar armas de fogo. O homem acabou confirmando a participação. Os dois foram presos em flagrante e encaminhado para a delegacia da cidade. O crime está sendo investigado e os outros dois bandidos estão sendo procurados.

Fonte: https://www.gazetadigital.com.br/editorias/policia