Mato Grosso já contabiliza 30 mortes e se aproxima de mil casos confirmados de coronavírus

    0
    129

    Da Redação – Carlos Gustavo Dorileo Foto: Ilustração

    O Estado de Mato Grosso já contabiliza 30 mortes e 941 casos confirmados do coronavírus, segundo boletim divulgado pela Secretaria de Saúde, no final da tarde desta segunda-feira (18). Nas últimas 24 horas, surgiram 42 novas confirmações.
    As últimas três mortes, segundo o levantamento, aconteceram em Cuiabá, cidade que subiu para cinco, o número de mortos pela Covid-19.

    Os novos casos confirrmados estão divididos nas seguintes cidades: Cuiabá (19), Rondonópolis (2), Várzea Grande (2), Barra do Garças (2), Primavera do Leste (3), Lucas do Rio Verde (1), Sinop (1), Confresa (2), Rosário Oeste (2), Tapurah (2), Pontes e Lacerda (2), Guarantã do Norte (1), Nova Lacerda (1), Porto Alegre do Norte (1) e Conquista D’Oeste (1). A área técnica da SES ainda esclareceu que foram corrigidas duas duplicidades no município de Várzea Grande.

    Dos 941 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 501 estão em isolamento domiciliar e 337 estão recuperados. Há ainda 73 pacientes hospitalizados, sendo 44 em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 29 em enfermaria.

    Os casos confirmados estão em Cuiabá (293), Rondonópolis (93), Várzea Grande (76), Barra do Garças (55), Primavera do Leste (39), Tangará da Serra (34), Lucas do Rio Verde (32), Sinop (30), Sorriso (27), Rosário Oeste (25), Confresa (19), Cáceres (18), Peixoto de Azevedo (15), Nova Mutum (13), Querência (12), Jaciara (12), Tapurah (9), Alta Floresta (9), Mirassol D’Oeste (8), Jangada (7), Chapada dos Guimarães (7), São José dos Quatro Marcos (6), Pontes e Lacerda (6), São Pedro da Cipa (5), Vila Rica (4), Pontal do Araguaia (4), Curvelândia (4), Nova Ubiratã (3), Nova Lacerda (3), Ipiranga do Norte (3), Campo Novo do Parecis (3), Aripuanã (3), Água Boa (3), Vila Bela da Santíssima Trindade (2), Vale de São Domingos (2), Rondolândia (2), Rio Branco (2), Poxoréo (2), Poconé (2), Juscimeira (2), Guarantã do Norte (2), Conquista D’oeste (1), Canarana (2), Campo Verde (2), Alto Araguaia (2), União do Sul (2), São Felix do Araguaia (1), Santo Antônio de Leverger (1), Santa Rita do Trivelato (1), Porto Alegre do Norte (1), Ponte Branca (1), Nova Xavantina (1), Nova Olímpia (1), Nova Monte Verde (1), Nossa Senhora do Livramento (1), Nobres (1), Lambari D’Oeste (1), Cotriguaçu (1), Alto Paraguai (1), Alto Garças (1), Acorizal (1) e residentes de outros Estados (21).

    Frigorifico tem 14 funcionários infectados pelo coronavírus em Várzea Grande

    Da Redação – Fabiana Mendes Foto: Rogério Florentino / Olhar Direto

    Frigorifico tem 14 funcionários infectados pelo coronavírus em Várzea Grande
    Quatorze funcionários da Marfrig, em Várzea Grande (região metropolitana de Cuiabá), foram infectados pelo novo coronavírus. O frigorifico faz parte de uma das maiores companhias de carne bovina do mundo e a maior produtora global de hambúrgueres. Os trabalhadores foram afastados e se encontram em isolamento domiciliar.

    Segundo posicionamento da Marfrig, assim que notificada sobre o teste positivo dos trabalhadores, adotou os procedimentos estipulados em um plano de contingência: realizou o inquérito epidemiológico e prontamente afastou todos os contactantes diretos e indiretos que estão em isolamento domiciliar.

    Ainda conforme nota, na quinta-feira (14), a Vigilância Epidemiológica do município fez uma visita a planta e, após análise, aprovou as ações feitas e o plano de contingência para a unidade.

    A companhia informou que também adotou medidas para a prevenção da doença em suas unidades, entre as quais, a aferição da  temperatura de todos os colaboradores na entrada da empresa, o aumento do intervalo entre operações, a diminuição do fluxo no refeitório com diferentes intervalos para as refeições, o afastamento dos colaboradores com sintomas de gripe, grávidas, portadores de doenças crônicas e acima de 60 anos.

    Reforçou ainda a equipe médica para intensificar o monitoramento dos casos, fortaleceu o uso de EPIs e a comunicação quanto as medidas de prevenção e uso correto das máscaras dentro da indústria.

    Além disso, realizou a desinfecção total da unidade e todos os colaboradores estão sendo vacinados contra H1N1.

    Até domingo (18), segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), Várzea Grande tinha 75 casos confirmados da Covid-19. A cidade possui o maior número de mortos residentes de Mato Grosso.

    Prefeito, secretário de Cultura e funcionários entram em isolamento após exames confirmarem Covid-19

    Da Redação – Max Aguiar Foto: Juína News

    Prefeito, secretário de Cultura e funcionários entram em isolamento após exames confirmarem Covid-19
    O prefeito Altir Peruzo (PT), do município de Juína (734 km de Cuiabá), testou positivo para a Covid-19 e já confirmou que está em isolamento total. Além dele, na cidade do noroeste de Mato Grosso também existem outros casos confirmados. Um deles é do secretário de Cultura e mais dois funcionários da prefeitura.
    Via redes sociais, o prefeito disse que não sente nenhum sintoma da doença e espera já estar na fase final do contágio. “Apesar de aguardar o resultado do exame do Laboratório Central do Estado (Lacen), eu já me isolei e quero dizer que não estou com nenhum sintoma da doença”, disse o prefeito.

    Em transmissão por meio das redes sociais, o prefeito diz que fez o exame após o secretário Municipal de Cultura, Adriano Souza, testar positivo por meio do teste rápido.

    “Eu ainda espero e acredito que vá dá negativo, até porque eu não tenho nenhum sintoma, estou totalmente assintomático, sem qualquer problema que venha a sugerir que esteja”, disse em pronunciamento nesta manhã de segunda-feira (18).

    Peruzzo explicou que, devido ao resultado de seu exame, sua família também passou pelo teste rápido, mas todos os resultados deram negativo. Para evitar a transmissão, o prefeito está isolado em seu quarto, distante do restante da família. Outros funcionários da prefeitura também se infectaram, mas disseram a mesma coisa: que está em isolamento e sem sintoma algum.

    Oficialmente, Juína não tem nenhum caso confirmado, mas neste final de semana houve cinco testes rápidos com resultado positivo. O município agora aguarda o resultado dos exames enviados ao Lacen para que o município também possa se equipar com leitos que possam atender possíveis pacientes em estado grave da doença.