‘Pais emas’ são super protetores e cuidam de vários filhotes até se tornarem adultos

    0
    51

    Se a mulher é chamada de ‘mãe coruja’, os homens mais cuidadosos com os filhos deveriam ser chamados de ‘pais emas’. Isso porque os machos dessa espécie tão comum em Mato Grosso são responsáveis por inúmeras etapas do desenvolvimento dos filhotes desde o ovo.

    A principal espécie observada no estado é chamada de Rhea americana. De acordo com o biólogo Gustavo Gaspari, durante a fase de reprodução, os machos se juntam com até seis fêmeas. Eles preparam o ninho, enquanto elas depositam até 30 ovos no mesmo local.

    Mas quem irá chocar os ovos e cuidar de todo o desenvolvimento dos filhotes não são elas.

    “O macho reúne os ovos delas e cuida mesmo daqueles que não são dele. Ele que participa de toda a formação dos filhotinhos e elas buscam outros parceiros para continuar a espécie”, explicou.

    Emas machos são super protetores com os filhotes e cuidam até daqueles que não são deles — Foto: Denise Soares/ g1 MT

    Emas machos são super protetores com os filhotes e cuidam até daqueles que não são deles — Foto: Denise Soares/ g1 MT

     

    Comportamento de creche

    A bióloga Lorena Castilho relata que a fase do acasalamento acontece de forma coletiva.

    “O cuidado parental é exclusivo dos machos, porque eles fazem um tipo de reprodução em grupo. Todas as fêmeas colocam os ovos no mesmo ninho e se torna um aglomerado de ovos”, destacou.

    Depois de uma disputa de forças entre os machos, o vencedor leva toda a responsabilidade “sob as asas”.

    “O macho dominante que ganha a disputa é quem cuida dos filhotes. Por conta da força, ele tem mais chances de manter os filhotes e levar a espécie adiante”, disse.

    Este comportamento é chamado pelos especialista de “creche”. É responsabilidade dos machos cuidar dos filhotes até se tornarem adultos.

    “Por isso é comum que a gente veja uma ema macho com vários filhotes”, finaliza.

    Fonte:https://g1.globo.com/mt/mato-grosso/